Endodontia (Canal)

Entenda o conceito de endodontia

Os problemas bucais afetam diversas pessoas em algum momento da vida, seja pela falta de periodicidade ao dentista ou por deficiência de higienização correta. Uma das incidências mais comuns é a cárie, que pode provocar sensibilidade, dores, deteriorações e, nos casos avançados, comprometer a polpa e a raiz dos dentes.

 

O que é endodontia?

A endodontia é uma área específica da odontologia que se ocupa de doenças e lesões na polpa e na raiz do dente. Geralmente, costuma-se intitular a endodontia como “tratamento de canal”, nome popularmente conhecido entre os pacientes. Este tratamento remove o tecido mole que se encontra no canal do dente que pode estar inflamado, infectado ou necrosado.

Quando é necessário realizar um tratamento de endodontia?

Somente um dentista pode diagnosticar o desenvolvimento de uma doença que precise de tratamento de canal. Uma das situações mais comuns na endodontia é quando uma cárie se torna muito profunda, atingindo a polpa dental.

É essencial consultar um odontologista especialista em endodontia, pois a remoção da polpa dentária afetada é um processo cirúrgico minucioso, realizado essencialmente com a aplicação de anestesia. Para evitar a extração do dente, o odontologista realiza o tratamento de endodontia em sessão única em alguns casos são necessárias várias etapas e consultas ao dentista para que o quadro seja definitivamente solucionado.

Após aplicar a anestesia, o odontologista realiza uma abertura no dente que receberá o tratamento. Por essa abertura, a polpa dentária morta ou infeccionada é extraída. Em seguida, os canais dentários e o espaço pulpar são esvaziados e limpos para receber o preenchimento. O material próprio para o preenchimento é aplicado em cada um dos canais dentários, que são cimentados e podem receber pinos de plástico ou metal, garantindo a resistência do dente tratado. Para finalizar, o dente que passou pelo tratamento de endodontia recebe uma coroa para que fique com um aspecto natural.

 

Como evitar a necessidade de um tratamento endodôntico decorrente de uma cárie?

A forma mais eficaz de evitar o surgimento de cáries é manter uma rotina de cuidados diários com a saúde bucal, como a escovação dos dentes após as refeições, principalmente após o consumo de doces, a utilização de fio dental e enxaguante com ação contra bactérias e até mesmo a utilização de flúor na concentração de 0,05% como método de profilaxia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>